sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Sabor da verdade


Eu não sou quem você deseja
Eu não sou o que você quer
Não me faço perfeita pra mim mt menos a quem o mau me quer
Deixar algo nas mãos de Deus é difícil,
não que eu não confie em Deus... é porque tenho pressa.
Pudera eu ser paciente com o tal.
Mas a sua ignorância deixo nas mãos da justiça
seja justiça da terra ou justiça divina, mas lavo minhas mãos
Sou feliz por ter Uma família maravilhosa
amigos maravilhosos...
Sou feliz por acreditar em disco voador
E ter a certeza de que tudo isso é obra de Deus.
Sofro por cada amigo que se for, mas tenho amigos vivos pra me consolar
E com eles vou aproveitar ao máximo a vida.
Enquanto vc perde o tempo tentado fingir ser eu
Tentando fingir ser algo que não sou.
Porque o que sou nem mesmo eu sei imitar,
nem mesmo eu sei explicar...
sou e nada mais...
Quanto a verdade, ela está colada em minha face
gravada em sua mente com o olhar que te fala
"seja de fato feliz com minha ausência, e me deixe ir embora"



"Olha bem pra minha face e nela sinta sabor da verdade" Original por: Andrezza Feitosa - @zuap

Nenhum comentário:

Postar um comentário